SEAD

Secretaria de Estado da Administração

Acessibilidade: A+ A() A-
NOTÍCIAS

Abertura da Ponte Binacional vai permitir novas rotas econômicas e turísticas

Ponte será aberta, inicialmente, para carros de passeio. Trânsito comercial e de transportes estão sob análise
Por: Leidiane Lamarão - 17/03/2017 - 09:05
Abertura da ponte também será mais um atrativo para os turistas
Foto: Secom Arquivo
Abertura da ponte também será mais um atrativo para os turistas

Será inaugurada no próximo sábado, 18, a Ponte Binacional na fronteira do Oiapoque com a Guiana Francesa. A obra é um dos símbolos dentro do projeto de cooperação celebrado entre os dois países, por meio do Acordo de Cooperação Brasil-França, assinado em maio de 1996, com o objetivo de garantir o desenvolvimento econômico na região de fronteira franco-brasileira.

Com a inauguração, o Amapá romperá definitivamente o seu isolamento via terrestre e passará a ser o único Estado Brasileiro ligado à União Europeia, o que permite novas rotas de exportação e importação de mercadorias e o aquecimento na economia local.

Cumprindo o que foi firmado na X Reunião da Comissão Mista Transfronteiriça, realizada em dezembro de 2016, a ponte foi aberta provisoriamente no dia 16 de janeiro de 2017, para que houvesse ensaios de como funcionariam as atividades no local.

Segundo o diretor do Departamento de Europa do Itamaraty, o ministro Carlos Perez, o simulado teve a finalidade de oferecer oportunidade para que as autoridades de ambos os governos ajustassem procedimentos de operação conjunta com a ponte, permitindo os acertos para abertura plena, que acontecerá no próximo fim de semana, no lado francês. “A ideia é beneficiar, nesse primeiro momento, a população dos municípios vizinhos e, paralelamente, a comissão mista continua tratando dos aspectos comercias”, ressaltou.

A Ponte Binacional será aberta, inicialmente, para carros de passeio, porém, dois outros tratados entre Brasil e França já estão em análise para finalizar as questões de operações comerciais e de transportes de mercadorias e valores de seguro.

Novas rotas comerciais
De acordo o diretor de Investimentos da Agência de Desenvolvimento Econômico do Amapá, José Molinos, dados da Secretaria de Comércio Exterior do Ministério da Indústria, Comércio e Mineração do Governo Federal revelaram que, no ano de 2016, a Guiana Francesa importou do Sul do Brasil, cerca de USD 500.000 em materiais tipo móveis de madeira, cerâmicas, bebidas, partes de máquinas, frutas congeladas, dentre outros.

Para ele, com a nova rota via terrestre o Amapá poderá se tornar facilmente a primeira opção de exportação para os guianenses. “A inauguração da ponte trará grandes oportunidades para o Estado do Amapá, pois o que os consumidores da Guiana Francesa estão importando do sul do país por meio de balsas, nós poderemos exportar com mais rapidez via terrestre, e dessa maneira nos tornar a primeira opção para eles, o que nos abre novos caminhos para o desenvolvimento da economia” destacou.

Integração
Para o presidente da Agência de Desenvolvimento Econômico do Amapá, Eliezir Viterbino, a inauguração da ponte é mais uma grande resposta do Governo do Amapá em relação ao compromisso de desenvolver o Estado.

“O governador Waldez Góes, mesmo atravessando um período de recessão, vem tomando decisões enérgicas para que o Estado avance na economia. Em dezembro do ano passado inauguramos a ponte da integração que liga a capital Macapá a dois dos principais municípios do Amapá que são Santana e Mazagão. Recentemente, o Governo e o DNIT já sinalizaram positivamente sobre a construção da ponte que liga o Amapá ao restante do país, por meio da Ponte do Rio Jari. São inúmeras decisões acertadas para garantir que o Amapá avance economicamente, mesmo atravessando momentos de crise. Por tanto, só posso dizer que, com certeza, este é o governo da integração e do desenvolvimento” enfatizou.

Turismo
A inauguração da ponte deve aquecer, também, o turismo na fronteira. Dados levantados pela Agência Amapá mostram que a região da Guiana Francesa recebe, em média, 100 mil turistas por ano, que visitam a Base Espacial de Kourou.

A abertura da ponte que liga a região de San Jorge (França) ao município de Oiapoque (Brasil), será mais um atrativo para os turistas que também se encantam com as riquezas naturais. A ponte será um cartão de visita para o turismo amapaense.


SEAD - Secretaria de Estado da Administração
Av. FAB, 87. Fone: (96) 3084-8000
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International

Amapá